26 de fev de 2009

Carnaval... Frevo, Samba e Maracatu

Tinha tudo para ser mais um carnaval morgado... Foi quando minha amiga Elaene (Lalá) me resgatou de casa em pleno domingo e me levou para Olinda! 12 horas de carro na ida e mais 12 na volta. Por 60hs de folia. E valeu muito!

A Saber: Maracatus de Baque Virado ou Nação: origens em cortejos de reis africanos... Maracatus de Baque Solto (Orquestra ou Rural): origens na segunda metade do século passado das Cambindas (brincadeira masculina, homens travestidos de mulher). Os Maracatus de Baque Solto são uma espécie de fusão de elementos dos vários folguedos populares, que vêm às ruas das cidades próximas aos engenhos de açúcar como: Goiana, Nazaré da Mata, Carpina, Palmares, Timbaúba, Vicência, etc., O cortejo do Maracatu de Baque Solto, diferencia-se primeiramente do maracatu tradicional, pela ausência do rei e da rainha.




Um comentário:

Uy disse...

quem vê pensa que ele foi pq a lalá levou......chato!